Notícias

Ferrovia Norte-Sul apresenta estrutura com equipamentos de realidade virtual na Agrotins 2018

25/06/2018 - Wherbert Araújo/Governo do Tocantins

As inovações tecnológicas e o recursos da realidade virtual como ferramenta de comunicação. Assim, a Ferrovia Norte-Sul, por meio da  VLI, empresa de soluções logísticas que integram terminais, ferrovias e portos, participa da 18ª edição da Feira de Tecnologia e Agropecuária do Tocantins –  Agrotins 2018. No evento, a empresa conta com um stand no qual estão sendo apresentadas as principais ações nas áreas de tecnologia e logística do corredor Centro-Norte, uma importante fronteira de produção agrícola, que engloba os estados do Tocantins e Maranhão. Esse é o terceiro ano consecutivo que a VLI participa da Feira e traz como novidade para os visitantes os óculos de realidade virtual, que apresentam as operações da empresa.

Segundo o Gerente Geral dos terminais da VLI do Corredor Centro Norte Denilson Marques, a importância da ferrovia e seus terminais integradores é o de contribuir  para o desenvolvimento econômico do Estado, por meio da sua capacidade e eficiência para o escoamento da produção de grão. “Oferecemos um serviço de logística integrada que garante o fortalecimento da economia tocantinense por meio do escoamento da produção ”, afirmou.

Inovação

Na Agrotins 2018, a inovação da realidade virtual leva a informação de maneira tridimensional com os recursos tecnológicos. Para os estudantes Bruno Soares Mendes e Adriano de Melo Lobo, acadêmicos do curso de Engenharia de Minas em uma universidade da Capital, as informações repassadas por meio da interação tridimensional gera maior entendimento do sistema operacional da empresa. “Tudo fica muito mais explicativo quando vemos em 360 graus as imagens dos trens e equipamentos funcionando", ressaltou Bruno. Já o estudante Adriano Lobo ressalta os padrões de qualidade obrigatórios no tráfego de grãos por meio da ferrovia. “Dá pra perceber que tudo é pensado de maneira a otimizar recursos e dar mais rapidez no transporte de cargas", afirmou.

A presença da VLI na região, por meio da sua expertise em logística integrada, possibilita maior eficiência e agilidade na infraestrutura do escoamento de grãos. Para isso, foram investidos R$ 264 milhões nos terminais integradores de Porto Nacional e Palmeirante, inaugurados em março de 2016. Juntos, os empreendimentos têm capacidade para movimentar por ano cerca de 6 milhões de toneladas de produtos como soja, milho e farelo. 

Sobre a VLI

A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no País, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para se trabalhar pela revista Você S/A, a VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudes,te e Centro-Oeste.